sexta-feira, 2 de Novembro de 2012

Bolinhos para todos os santinhos

Quentinhos, a saírem do forno
Mais uma vez neste dia em que se comemora o Dia de Todos os Santos(e ainda é feriado...), fiz os tradicionais bolinhos. Em alguns lugares do país, as crianças percorrem as casas dos vizinhos soletrando versos e pedindo bolinhos para os santinhos. Muito provavelmente, hoje em dia preferem as gomas ou rebuçados aos tradicionais bolinhos mas eu resolvi manter a tradição. Embora nesta região este costume não exista e nenhuma criança tenha vindo bater à minha porta, nos regalamos com uma fornada de bolinhos de batata-doce. Comecei de manhã e cozi-os agora há pouco. O cheirinho pela casa é maravilhoso. Sei que para alguns de vocês fazer pães e bolos com massa levedada é normal, mas para mim mim é sempre com alegria e entusiasmo que acolho o milagre da transformação de 1kg de farinha em algo comestível e até bom(nem sempre foi assim). Recomendo a todos. Fazer pão entusiasma a quem faz e a quem vê fazer. Tirar um tabuleiro de pães acabadinhos de cozer, sentir o aroma e saborear uma fatia ainda quente deixa qualquer um bem disposto. Não é bem um feitiço, mas diria que é quase...

Fiz esta versão do blogue Pão, Bolos e Cia. usando a máquina de pão. Gostei muito do resultado, e do facto desta receita não levar leite e qualquer tipo de gordura. Cortei um pouco no açúcar e deixei levedar bastante. As broinhas ficaram bem fofinhas e deliciosas. A repetir, com toda a certeza.
Descrevo abaixo a receita, com as minhas alterações. Aconselho, no entanto a visitarem o blogue Pão, Bolos e Cia. onde as fotos descrevem um passo-a-passo muito elucidativo e existem mais versões destes tradicionais bolinhos e outras delícias.


Broinhas de batata-doce para o Dia do Bolinho
Ingredientes
500g de batata-doce crua
400g de açúcar (usei 300grs)
3 ovos biológicos
250ml de água morna da cozedura da batata-doce
1 colher (sopa) de fermento biológico seco(1 saqueta)
1kg de farinha de trigo T65(sem fermento adicionado)
2 limões (raspa)
1 colher (chá) de canela
2 colheres (chá) de erva-doce moída(usei 1 colher apenas)
pitada de sal
200g de miolo de noz partido
100g de pinhões(não usei)
150g de passas claras/escuras

Preparação:
Descascar as batatas-doces e cozê-las em água e sal. Reservar a água.
Num alguidar ou bacia amassar as batatas-doces cozidas até se transformarem em puré(pode usar a varinha mágica). Misturar o açúcar e mexer com a colher de pau. Juntar os ovos um a um e mexer entre cada adição. Juntar a água morna, a raspa de limão, a canela, a erva doce e o sal. Transferir o conteúdo para a máquina de pão. Adicionar a farinha e o fermento e usar o programa para amassar (15 minutos) por duas vezes. Se necessário auxiliar com a colher de pau a mistura da farinha. A massa ficará homogénea mas um pouco peganhenta. Transferir a massa novamente para o alguidar polvilhado com farinha, embrulhar com um pano e deixar levedar num lugar abrigado e quente até dobrar de volume(demorou cerca de 4 horas). Eu uso o forno do fogão pré aquecido a 50ºC por alguns minutos e não falha.
Juntar as nozes, pinhões(se usar) e passas e amassar um pouco até distribuir as frutas.
Tender as broinhas. A receita indicava polvilhar com farinha mas eu não usei. Distribuir as broinhas em tabuleiros forrados com papel vegetal e coloca-los no forno levemente aquecido para levedarem novamente(cerca de 2 horas). 
Levar a cozer no forno 170ºC por cerca de 15 minutos cada tabuleiro. Retirar e deixar arrefecer(se conseguir resistir...).

Renderam-me 19 broinhas de bom tamanho.

Se não usar máquina de pão, adicione o fermento com a água e misture a farinha, amassando até formar uma massa homegénea.

Ficaram bem fofinhos
A receita do ano passado aqui.

15 comentários:

  1. Ficaram com um aspecto delicioso!
    beijinhos,
    Addicted
    http://cookaddiction.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Os bolinhos estão com um aspeto delicioso.
    A tradição está a perder-se, o que é uma pena. Este ano também não aparereram crianças a pedir os "santinhos", no entanto na noite de Halloween veio um grupinho de "fantasminhas" e disseram "doçuras ou travessuras"....
    Tudo é diferente!....
    Bjs

    ResponderEliminar
  3. Ficaram lindos e parecem bem macios.
    bjs

    ResponderEliminar
  4. Olá Lina :)
    Por aqui não temos essa tradição, não costumamos fazer estes bolinhos. Mas apetecia-me ter feito este tipo de bolinhos para celebrar, até porque na 4a feira fui surpreendida por umas meninas na clínica que me vieram oferecer um bolinho destes!
    Adorei os teus, sem gordura e com a batata-doce e frutos secos. Já comia :))
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  5. Ficaram bem bonitas. Para os apreciadores de batata-doce fica aqui a sugestão onde este ingrediente é privilegiado.
    Também congelam muito bem, isto é, se sobrarem ;)

    ResponderEliminar
  6. Hum... ficaram lindos e com aparência deliciosa.
    bjo

    ResponderEliminar
  7. Estas broinhas sabem mesmo bem, beijinho

    Paula

    ResponderEliminar
  8. Olá, querida amiga Lina
    Bem que eu tava com vontade de comer algo com batata doce... muito boa deve ser a sua receita... vou experimentar!!! Já copiei...
    Bjs de paz e bem

    ResponderEliminar
  9. Ficaram bem apetitosos esses bolinhos.
    Bjs!
    CozinhaTricolor

    ResponderEliminar
  10. Adoro esses bolinhos, também costumo fazer, mas, mais pelo natal, nem sabia que se usavam nos santos, mas cada um faz quando lhe apetece :-)

    ResponderEliminar
  11. Oi Lina! Nao conhecia esta receita, adorei! Vou fazer para o Natal! Ficaram lindos e parecem muito deliciosos!
    beijos

    ResponderEliminar
  12. Devem ser bem saborosos ! Faz tempo não faço pão. Muitos anos, pois meu marido assumiu a função de padeiro aqui em casa.

    Beijo

    ResponderEliminar
  13. Oi, Lina!

    Os bolinhos devem ter ficado mesmo deliciosos e fazer pães é quase como realizar um milagre, não é verdade? rsrs.
    Infelizmente tem me faltado tempo para visitar os blogs que admiro, como o seu, que combina boas receitas com um texto delicioso de ler.

    Um beijo!

    ResponderEliminar
  14. Que lindas broínhas e super apetitosas! Que ajudem a manter a tradição, daquilo a que por aqui chamam "pedir o pão por Deus".
    Bjs

    Paula

    http://1toquedecanela.blogspot.pt

    ResponderEliminar