sábado, 25 de fevereiro de 2012

Amor aos pedaços

Neste ano o aniversário do meu marido coincidiu com o dia de Carnaval e pudemos passar o dia juntos a comemorar. Com criança pequena em casa é imperativo o bolo da praxe. Não é que nós adultos não façamos questão do bolo, até fazemos, mas não devemos…porque normalmente a minha filha, e pelo que pude comprovar acho que todas a crianças são assim: gostam do ritual dos parabéns, da decoração do bolo, mas comer, comem uma fatia e mal…e o resultado é os adultos fazerem o “sacrifício” de comer grande parte do bolo e eu acabo por ser a maior “sacrificada”, porque sou a formiguinha-mor aqui das redondezas, e resistir a um bolo caseiro feito por mim (que modesta!) não é tarefa fácil.
Mas eu estou em guerra com o maldito açúcar (e com alguma roupa que não me serve!). Então resolvi o problema da seguinte forma: fiz pequenos queques e decorei alguns na hora, com chantilly e morangos, bem ao gosto da pequenina, para cantarmos os parabéns ao papá. O restante, congelei, para saborear noutra altura (longe da vista, longe da barriguinha!). Assim, ficamos os três contentes com estes deliciosos pedacinhos de amor e pudemos desfrutar de um dia maravilhoso, cheio de sol, à beira-mar, em que brindamos simplesmente à felicidade de estarmos juntos e gostarmos muito, muito mesmo disso!

E são estes dias (pedaços), que aparentemente dispersos formam o puzzle (quebra-cabeças) único, que é a nossa vida. Vida que é feita de pedaços de amor, de histórias dentro da história, de lembranças e de afeto. 

E é por isso que vou participar da Blogagem Coletiva Amor aos Pedaços, para compartilhar aqui sobre os Pedaços de Amor da minha vida, para expandir a minha história e mistura-la com outras numa coletiva que promete ser tão emocionante como a Blogagem Coletiva Fases da Vida(BCFV) que aconteceu no ano passado. 


E você? Não quer participar também? Juntar-se a nós nesta aventura, que aguçará a nossa criatividade, que nos fará recordar ou imaginar doces devaneios, que nos acordará do inverno enfadonho da rotina dos dias fazendo-nos sentir vivos e alertas, como o desabrochar da primavera.
Garanto-vos que a sensação é muito boa! Palavra de quem participou da BCFV! Por isso quis partilhar convosco esta iniciativa.

A blogagem está a ser organizada pela Rute, Luma Rosa e Rosélia e vai iniciar-se no próximo dia 15 de Março com o tema Encantamento. Assim como na BCFV, basta publicar neste dia um texto(ou poesia, ou conto, ou o que a imaginação quiser…) subordinado ao tema e ligado à temática do seu blogue.
Visitem os blogues organizadores para saberem detalhadamente como participar, avisarem da vossa participação(nos comentários) e ouvirem a música tema que é linda!
da Rosélia, EspiritualIdade

E agora deixo-vos a receita dos meus queques pedaços de amor, para vocês irem se inspirando...

Baseada na receita de Mafalda Pinto Leite, Cozinha para quem quer poupar
Para 12 queques pequeninos
Ingredientes:
2 chávenas de chá de farinha de trigo peneirada
1 colher de chá de fermento em pó
3/4 chávena de chá de açúcar amarelo(mascavado claro)
3/4 chávena de chá de água
100grs de manteiga de soja para culinária derretida e arrefecida
2 ovos biológicos batidos
1 colher(chá) de essência de baunilha
2 colheres de sopa de granulado de chocolate(pedacinhos de tentação!)

Para a cobertura:
Chantily
Morangos

Preparação:
Aqueça o forno a 200ºC. Unte e enfarinhe forminhas de queques ou use de silicone(foi o meu caso).
Misture a farinha e o fermento com o açúcar numa tigela grande. Faça um buraco no centro.
Adicione a água, a margarina, os ovos, a baunilha e o granulado de chocolate. Use uma colher de pau para misturar delicadamente.
Deite a massa para as forminhas(para facilitar esta tarefa eu uso uma colher de gelado(sorvete), aprendi este truque com Nigella Lawson). Leve ao forno por 10 a 15 minutos, ou até estarem cozinhados no interior (faça o velho teste do palito). Retire do forno para arrefecerem por 5 minutos e desenforme-os.
Antes mesmo de servir decore alguns com chantily e morangos e guarde(mesmo!) os restantes no congelador.

8 comentários:

  1. Os aniversários é bem como descreveste...Adulto não aguenta tem que comer mais um pedação...e se for de chocolate melhor ainda...
    Vamos participar sim dessa BC..
    Paz e bem

    ResponderEliminar
  2. Hummm... delícia Lina! Comemorou em grande estilo com essa gostosura...beijkas

    ResponderEliminar
  3. É sempre bom celebrar essas datas em família e um docinho é sempre indispensável. Fofos e deliciosos pedaços de amor :)
    Um beijinho.
    (fiquei com vontade de provar as papas de aveia com pêra e cardamomo!)

    ResponderEliminar
  4. Que delícia. Um pedaço perfeito de doçura para comemorar um dia especial.
    Beijinhos!

    ResponderEliminar
  5. Lina,
    teus queques são pedacinhos do céu na boca.Comemorações assim enfeitam a vida de muitas delícias.
    Eu já estou sabendo da BC e vou participar , com certeza.
    Parabéns ao teu marido.Felicidades para vcs.
    Bjkas mil,
    Calu

    ResponderEliminar
  6. Ai ai lá vou eu engordar mais...

    Bjocas

    http://aspapinhasdosbabinhos.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  7. Lina querida, quelindos queques, os morangos dão uma beleza indescritível a qualquer prato. Boa idéia tivestes, para não passar em branco e alegrar a pequenina. ótima receita. Parabéns para seu marido, com muitas felicidades e saúde. E vou tbém participar da BC, vai ser muito linda né? Bjos querida desculpe a ausência

    ResponderEliminar
  8. Minha querida Lina,
    tu mereces todo o meu amor, em pedaços graaaaaaandes!

    Pelo visto a BCAP acordou-te mesmo da hibernação! Bastou-me um pequeno afastamento da blogosfera para vir encontrar aqui, posts em catadupa, recheados de energia e com topping de corações frutados.
    Imagino o que essa cabeça já escreveu e reescreveu em ideias para a coletiva.

    Outro assunto: visitei o blog da Sandra e deixei lá comentário, mesmo por baixo do teu :) Adorei a papa dormida e o blog PapaCapim. Obrigada pelo carinho.
    Beijinhos.
    Rute
    P.s.-E obrigada pela divulgação.

    ResponderEliminar