terça-feira, 27 de setembro de 2011

# 8 Segunda feira sem carne

São onze horas da noite e só agora pude me sentar calmamente para escrever. É nestes dias passados em completa roda viva que eu penso: Será que a vida de hoje é mais fácil que há uns tempos atrás? Tempos em que não havia electricidade e as pessoas eram obrigadas a parar com o cair da noite e acordar com o raiar do dia. Será que esta ânsia de querer abraçar o Mundo, fazer várias coisas ao mesmo tempo em velocidade de computador de última geração não está a transformar-nos em seres da noite, quase vampiros... Eu penso que sou uma típica criatura destes tempos. Roubar tempo ao sono para poder me dedicar àquilo que gosto transformou-me num ser meio soturno durante o dia,(de manhã cedo se falarem comigo com muita convicção, juro que mordo!), que alcança o auge da inspiração ao entardecer e se pudesse entrava pela noite dentro a divagar, deitava-me de madrugada e acordava, com sorte lá pelo meio da manhã...mas eu sou mãe de filha e esse comportamento estranho não se enquadra nessa categoria. 
Bem, estas segundas feiras sem carne estão a transformar-se em segunda feira "toca a desabafar" no blogue, vocês me desculpem, mas o meu dia começou às 7:15 da manhã, sempre a correr, a barafustar, a aturar, a resolver e terminou às 22:30 na farmácia a comprar pensos para bolhas porque a criança lembrou-se de usar umas sapatilhas novas sem meias(para me contrariar!) e lá tinha umas personagens estranhas, dentre elas um que falava meio enrolado e cujo bafo já me deixou meio zonza...

Enfim, hoje é segunda feira, o que me salvou foi ser sem carne, pelo menos sei, que não sou culpada de nenhum sofrimento animal para poder me alimentar.Ufa!

Deu para perceber que hoje, com muita sorte, só tenho receita do que fiz para o almoço

Croquetes de lentilhas
baseados nestes lindos e apetitosos da Cozinha das Cores
Cerca de 250 grs de lentilhas verdes cozidas e trituradas(ou amassadas) levemente
1 cebola grande picada
1 cenoura ralada
1/2 pimento verde picado
1 colher(sopa) de azeite
2 dentes de alho picados
2 colheres(sopa) de levedura de cerveja
1 colher(sopa) de farinha de linhaça(ou sementes de linhaça moídas)
2 colheres(sopa) de germen de trigo
Pão ralado(farinha de rosca) q.b.
Temperos: sal, caril, pimenta preta, noz moscada, hortelã seca
Preparação:
Leve ao lume a cebola, cenoura, alho, pimento e azeite. Deixe amolecer. Acrescente a lentilha e misture. Junte a levedura, farinha de linhaça, germen de trigo. Alterne com os temperos e pão ralado. Misture bem, vá provando aos poucos, para rectificar os temperos, até que a massa fique consistente mas não demasiado seca. Molde croquetes(ou hambúrgers). Pode levar ao forno, num tabuleiro untado ou frita-los numa frigideira anti aderente untada levemente com azeite(foi o que fiz hoje).

Acompanhei com salada de alface, rúcula e tomate e maionese vegetal com alcaparras e sopa de legumes, que hoje precisei de sustento!


E Sobremesa:
Puré, feito com maçãs biológicas cozidas com casca e trituradas. Polvilhei com amêndoas raladas e canela, enfeitadas com physalis.
Deliciosamente simples e bom!

16 comentários:

  1. Lininha querida amiga, primeiramente quero que saibas que fiquei muito,mas muito feliz que vc gostou da minha postagem, eu disse a Rute que foi muito sincero tudo o que disse, e digo para voce a mesma coisa em relação a voce. E assim como disse à ela sei, que de sua parte tbém é recíproco. Gosto muito,mas muito mesmo de vc e da Rute, sem querer claro desmerecer as outras que tenho grande estima tbém. Amiga me ri muito aqui com vc falando das sapatilhas da sua pequena, e dizendo que logo cedo morde, o mesmo ocorre comigo, corro tanto, mas tanto o dia inteiro, que 24 horas já não dá mais. Agora entendo por que vc disse que seus croquetes iriam bem com meu molho, pois iriam mesmo, adoro lentilhas e para mim esses croquetes me surpreenderam, gostei muito, seu almoço ficou 5*. A sobremesa ficou muito chique minha amiga, physalis aqui é preço de ouro kkkkk. Amei sua segunda sem carne, embora exaustivamente, saiu-se perfeita..Bjos minha amiga querida. Boa noite, espero que ja estejas descansando.

    ResponderEliminar
  2. Que bom aspecto, tem ar de muito saboroso!


    Bjs.

    ResponderEliminar
  3. Lina os croquetes tem um aspecto delicioso, e esta sobremesa esta linda e também deliciosa concerteza.

    Beijinho

    ResponderEliminar
  4. Podes continuar os desabafos gastronomicos das segundas sem carne que todas nós nos revemos em ti e "desabafamos" solidarias em pensamento :)

    Acredito que a comidinha vegetariana tenha-te devolvido alguma serenidade. Isto se é que não devoraste os croquetes a correr (sem sair do mesmo sitio).

    Por vezes acontece-me isso: Comer a correr, pois entre uma garfada minha, há sempre uma ou outra garfada de ajuda à Carolina, ou respostas à filhota que nunca se cala quando eu muitas vezes só me apetece silenciar e desligar-me!

    É possivel? Não não é. Então lá vamos arranjar forças sobre-humanas para sorrir, responder, pacientemente recomendar que coma e se despache :)

    A história repete-se em todas as casas. Talvez uma diferença entre a minha e a tua casa é que já me rendi a deitar-me cedo. Porque sou dorminhoca. Preciso de 8 horas no minimo. Assim, lá vou abdicando de fazer o que gosto à noite. Só consigo ler umas 2-3 páginas na cama e depois, puf, direitinho para o mundo dos sonhos.

    Dáva-me jeito ter ido jantar a tua casa.
    Os croquetes estão deliciosos.
    Lembro-me deles da Cozinha das Cores.
    Beijinhos MIL.
    Rute

    ResponderEliminar
  5. Gostei da receita não conhecia.
    Parecem super gostosos.
    Bjo

    ResponderEliminar
  6. Bela forma de começar uma semana, cheia de azafama. :p
    Os croquetes ficaram certamente deliciosos. Tenho uma receitinha bem semelhante, mas é do centrovegetariano. Óptima!
    Boa semana!

    ResponderEliminar
  7. Faz bem desabafar! Croquetes estão lindos e imagino que super saborosos.
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  8. Rute!! Cheguei aqui através da amiga Josy e gostei muito do teu blog. Sou bióloga e já, há algum tempo, venho procurado manter uma laimentação saudável, com menos carnes e mais legumes e frutas orgânicas. Quando iniciamos uma alimentação natural e nos damos por conta o quanto nos sentimos bem, difícilmente se quer voltar atrás. Uma abraço, serei visita constante.

    ResponderEliminar
  9. Desulpas por ter trocado o teu nome pelo da Rute...

    ResponderEliminar
  10. Olá amiga Lina, saudades suas...passei para deixar um beijinho e dizer que tenho visto as publicações da segunda sem carne e estou tentada a entrar nessa com vocês, estou fazendo dieta e acho que isso iria me ajudar muito, o que achas??
    Ótima semana para você!
    Bjuss!!!

    ResponderEliminar
  11. Oi Lina,
    Essa loucura toda faz parte da vida da gente. Eu também vivo cansada e sem saber como dar conta de tudo que tenho para fazer.Tento ter a calma necessária, mas nem sempre consigo.
    Vamos em frente, pois faz parte da vida.
    Gostei da sua adesão a segunda sem carne, e gostei da sua receita.
    Bj,
    Lylia

    ResponderEliminar
  12. Lina querida,
    Fiz um comentário tão longo e acho que ficou perdido por aí.
    Primeiro queria ser solidária com você nessa questão de tempo.Essa correria parece não ter fim, todos nós estamos correndo , sabe Deus pra onde.Mas vamos pedir força e coragem a Deus e seguir em frente.
    Gostei de vc ter aderido a segunda sem carne e adorei sua receita.
    Bj e uma ótima quarta,
    Lylia

    ResponderEliminar
  13. LINA QUERIDA,
    AS FOTOS ESTÃO LINDAS E A RECEITA MARAVILHOSA, ESTE CANTINHO É TUDO DE BOM!

    BEIJÃO E BOA NOITE!

    ResponderEliminar
  14. Bem, a comida tem um excelente aspecto. ainda não experimentei fazer uns croquetezinhos e por acaso tenho saudades desse tipo de coisas.. umas empadas ou rissois ou croquetes... hmmm yummi!

    Tenta arranjar pelo menos um momento por dia dedicado só a ti, para relaxares e por esse momento viveres um pouco sem preocupações. E de resto, podes sempre desabafar aqui :D

    beijinhos!

    ResponderEliminar
  15. Olá Lina,
    Acho que se ao fim de um dia de stress e acontecimentos caricatos existe a possibilidade de se poder escrever e desabafar, então é muito bom! Conta connosco para esses dias ;) e para os outros também, claro! Sem electricidade não faziamos quase nada... se eramos felizes na mesma? acho que sim...mais do que somos? acho que sim. A simplicidade traz felicidade.
    O teu menu sem carne está muito apetitoso, o aspecto convida mesmo!
    Beijinho, já tinha saudades de vir ao café ;)

    ResponderEliminar
  16. Sabes que me faço muitas vezes a mesma pergunta? Mas chego à conclusão de que, no fundo, gosto da minha vida agitada como ela é. Cheia, preenchida. E gosto das tecnologias :) Com as comidinhas caseiras, vamos imprimindo às nossas vidas um certo tom do passado que, no fundo, serve para equilibrar tudo. Beijos
    P.S.: Apesar de gostar de carne, adorei a tua refeição. Por acaso o meu último post é de comida vegetariana :)

    ResponderEliminar